Sessão da Câmara foi marcada por discussões e críticas em Dobrada-SP

Confira as imagens e os detalhes no Portal de Notícias Hora1 – Clique na foto:

Sessão da Câmara foi marcada por discussões e críticas  em Dobrada-SP
Câmara Municipal de Dobrada-SP

Primeira Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Dobrada foi marcada por discussões e críticas à forma como o Presidente Messias Inácio Bezerra – PSDB – teria agido no comando da sessão.

A ordem do dia era: constituição das comissões permanentes com várias indicações e requerimentos de vários vereadores, além da votação do Projeto de Lei do Vereador Claudeci de Assis Pereira – PcdoB – e do Vereador Marcio Gomes da Silva – Podemos, que trata dos horários para funcionamento das farmácias em finais de semana na cidade.

Outro projeto trata da isenção de IPTU para aposentados e pensionistas. Denominação de ruas da cidade e, claro, a votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias do município – este enviado pelo Prefeito Carlos Dentista.

O vereador Claudeci de Assis Pereira reclamou muito sobre a falta de conhecimento do Regimento Interno por parte de vereadores e presidente da câmara.

A nossa equipe de reportagem foi impedida de registrar a sessão na câmara de Dobrada e o presidente Messias não quis gravar entrevista sobre o que foi falado pelo Vereador Claudeci.

Na próxima sessão – dia 15 de fevereiro - o Portal Hora1 e a TVh1 estarão novamente na sessão para mostrar para a população de Dobrada, como atuam os representantes do povo na casa de leis.