JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 890
Terça, 18 November 2014 08:28

Moradores dos prédios do CDHU de Matão se reuniram na Câmara Municipal Destaque

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

capa cdhuO objetivo dos moradores é que a concessionária Águas de Matão providencie hidrômetros individuais para cada apartamento. A reivindicação dos moradores também visa diminuir a cobranças, dita abusiva, das contas remanescentes da CAEMA.

 

Em nota, a Câmara Municipal de Matão informa que a Sessão Ordinária da última segunda-feira (17) recebeu os moradores do Jardim Paraíso e deliberou que todos os 15 vereadores tratem deste assunto nesta próxima quarta-feira em reunião marcada para às 10 horas da manhã.

Nota à Imprensa

Comunicamos que na Sessão Ordinária realizada nesta segunda-feira (17), a Câmara Municipal de Matão recebeu no plenário do Legislativo os moradores dos prédios do CDHU do Jardim Paraíso, que solicitaram providências referente a individualização dos hidrômetros para que todos possam pagar suas contas individualmente. Foi solicitado também que seja revisto o valor que está sendo cobrado pela extinta Caema aos moradores do local, pois os mesmos dizem não ter condições de efetuarem o pagamento das contas devido o valor ser alto.

Em acordo entre os quinze vereadores da Câmara ficou acordado uma reunião com os síndicos dos CDHU’s para quarta-feira (19), às 10h, no plenário da Casa Legislativa, onde os vereadores estarão reunido com o Departamento Jurídico do Legislativo para discutir uma solução para o problema.

Fonte: Câmara Municipal de Matão

Autor da Matéria:
Fábio Pereira
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

 

Informações adicionais

  • Aviso: © Copyright 2014 - Portal Process. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação falado ou televisivo, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Portal Process.
Lido 2600 vezes Última modificação em Terça, 18 November 2014 08:30

Deixe um comentário

Comente à vontade, apenas ressaltamos que nosso Portal Hora1 (Process) não aceita ofensas gratuitas, palavrões e expressões que possam configurar crime, ou seja, comentários que ataquem a honra, a moral ou imputem crimes sem comprovação a quem quer que seja. Seu comentário será aprovado em até 12 horas a partir da postagem.