Segunda, 05 November 2018 10:53

Rapaz recém-saído da cadeia foi preso de novo por furto em Matão Destaque

Escrito por
Avalie este item
(1 Voto)

Capa algemadoA conhecida “Turma do Geléia” agiu na Av. Virgílo Turcatto no Jardim Primavera na sexta-feira (01).

 

Os familiares se ausentaram da residência às 16:00h e quando retornaram por volta das 22:00h, constataram que o portão da varanda foi arrombado e que bandidos levaram um Compressor de ar da marca Schulz na cor vermelha e um Tanquinho de lavar roupas da marca Colormaq na cor branca e um botijão de gás.

A equipe policial comandada pelo Cabo Torryan analisou a forma como foi o arrombamento e as circunstâncias e começou diligências com vistas ao tal Geléia. Os policiais militares Roberto e Luiz Carlos encontraram o suspeito próximo a linha férrea. Ele estava com um comparsa e confessaram o furto, informando que os pertences estavam na casa do comparsa do Geléia.


Os objetos foram localizados, devolvidos à vítima, enquanto os dois eram presos em flagrante delito por furto.

O delegado ratificou a voz de prisão e os encaminhou para a Cadeia Pública de Santa Ernestina.


Segundo consta, dias antes o Geléia foi posto em liberdade e, mais uma vez, foi detido e preso por furto.

 

Fonte: Boletim de ocorrência - Polícia Militar

 

Autora da Matéria:
Amanda Pereira
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. 

Informações adicionais

  • Aviso: © Copyright 2016 - Portal de Notícias Hora1 (Portal Process). Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação falado ou televisivo, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do proprietário dos direitos de conteúdo.
Lido 1007 vezes Última modificação em Terça, 06 November 2018 07:06

Deixe um comentário

Comente à vontade, apenas ressaltamos que nosso Portal Hora1 (Process) não aceita ofensas gratuitas, palavrões e expressões que possam configurar crime, ou seja, comentários que ataquem a honra, a moral ou imputem crimes sem comprovação a quem quer que seja. Seu comentário será aprovado em até 12 horas a partir da postagem.