Terça, 15 May 2018 06:47

Perturbação de sossego termina com acidente de trânsito e ameaças Destaque

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

Capa policiamilitarA vítima teria tentado fotografar a fonte da perturbação. O perturbador teria seguido a vítima e ambos teriam feito ameaças.

 

Segundo consta em Boletim de Ocorrência, o acidente de trânsito sem vítima teria como “motivação” uma perturbação de sossego.
O protético de 35 anos, morador do Parque Mônaco, disse que devido ao barulho com som de veículos próximo à sua casa, teria pego seu Chevrolet Cruze e ido até onde estavam os importunadores.

Ele contou também que fora impedido de entrar em sua residência quando a Saveiro, de onde vinha o som alto, o teria fechado, impedindo-o de entrar em sua casa.
Neste momento teria acontecido a colisão entre os veículos. O protético disse também que foi ameaçado.

O condutor da Saveiro, que estaria com som alto às 3 horas da madrugada do domingo (13), disse que estava estacionado, momento em que o condutor do Cruze “teria começado a tirar fotos”. Em seguida o eletricista de 23 anos, teria seguido o Cruze com sua Saveiro até a casa do protético, quando houve a colisão.

O rapaz da Saveiro disse ainda que fora ameaçado com uma faca.

Os Policiais Militares Lobo e Rodrigo registraram o Boletim de Ocorrência de Acidente de Trânsito sem Vítima/Ameaça e ambos foram orientados.

Ninguém foi preso. 

 

Fonte de Informações: Boletim de Ocorrência – Polícia Militar

 

Autor da Matéria:
Amanda Pereira
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. 

 

Informações adicionais

  • Aviso: © Copyright 2016 - Portal de Notícias Hora1 (Portal Process). Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação falado ou televisivo, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do proprietário dos direitos de conteúdo.
Lido 4665 vezes Última modificação em Terça, 15 May 2018 06:48

Deixe um comentário

Comente à vontade, apenas ressaltamos que nosso Portal Hora1 (Process) não aceita ofensas gratuitas, palavrões e expressões que possam configurar crime, ou seja, comentários que ataquem a honra, a moral ou imputem crimes sem comprovação a quem quer que seja. Seu comentário será aprovado em até 12 horas a partir da postagem.